Se você não sabe muito sobre vendas, talvez não conheça algumas das modalidades mais populares desse setor. Entre eles temos o B2B e B2C, cada um deles vende para um tipo diferente de consumidor. A primeira vende para empresas e a segunda para o consumidor final.

ntender como esses dois tipos de modalidades funcionam e como são gerenciados é muito importante para desenvolver melhores estratégias e metodologias para vender de forma estável e constante em seu negócio. Isso porque as estratégias de marketing e vendas serão direcionadas especificamente para um tipo específico de consumidor.

Neste artigo vamos explicar porque é essencial entender que tipo de cliente você tem. Além disso, as estratégias utilizadas por cada modelo para atingir seus clientes. Mostraremos algumas empresas que aplicam esses tipos de metodologias. Como você pode aplicá-lo ao seu negócio no que diz respeito a vendas ou marketing e uma ferramenta que pode ajudá-lo a impulsionar os resultados do seu negócio aplicando uma boa estratégia para o seu cliente ideal.

A partir de agora mostraremos o que são vendas B2C e vendas B2B: Quais são as principais diferenças.

O que é B2B?

Um negócio B2B é todas aquelas empresas que vendem produtos ou serviços para outras empresas. Isso pode se aplicar tanto ao mundo digital quanto ao físico. No digital podemos ter como exemplo Callbell. Empresa que oferece soluções de comunicação para empresas por meio de aplicativos de mensagens e redes sociais.

Por outro lado, quando falamos de empresas B2B em ambiente físico. Podemos imaginar todos aqueles fornecedores que oferecem matéria-prima. Pode ser para empresas de fast food ou até mesmo distribuidoras de autopeças, que oferecem esses itens ao consumidor final.

O que é B2C?

Como mencionamos no início deste artigo. Uma empresa pode trabalhar com diferentes públicos. No caso do modelo B2C, a venda ou serviço destina-se ao consumidor final. Ou seja, a pessoa que finalmente usa o produto ou serviço que comprou.

Nesse sentido, podemos falar de casas, roupas, comidas, bebidas, eletrônicos, internet, pacotes de viagens, passagens aéreas, passagens de metrô, lanches, etc. Na realidade, existem muitos tipos de consumidor final dependendo do item ou serviço que compram. Mas todos eles giram em torno da mesma ideia. Eles são definidos como a pessoa ou empresa que utiliza o produto ou serviço de forma final.

Modelo de negócios B2B: exemplos

Este modelo é extremamente interessante, pois não é nada convencional e trata-se de empresas que vendem para empresas. Isso pode variar de fornecedores de matéria-prima a empresas que vendem serviços de comunicação, envio, etc Para outras empresas que tenham um modelo B2C.

Alguns exemplos de empresas com modelos B2B são:

a) Serviços de comunicação: Callbell é um excelente exemplo de serviço de comunicação B2B para empresas. Desde então, oferece uma plataforma que conecta diferentes redes sociais incluindo Instagram direct e Whatsapp para que as empresas possam atender seus clientes em um só lugar.

b) Empresas de distribuição por grosso: Eles vendem alimentos, produtos de limpeza, roupas, eletrônicos, etc. para outras empresas. Um bom exemplo é o Makro, que vende diversos itens no atacado para empresas ou empreendedores.

c) Serviços de pagamento digital: empresas que oferecem soluções financeiras para outras empresas digitais. Por exemplo, Pay Retailers que oferece soluções de pagamento para empresas que vendem seus produtos e serviços online.

d) Serviços jurídicos e contábeis: empresas que requerem serviços jurídicos de advogados ou serviços de contabilidade.

e) Marketing ou vendas: empresas que precisam organizar sua carteira de clientes, redes sociais ou outras ações de marketing. que exigemum CRM ou plataformas para gerenciar as estratégias de publicidade da empresa.

f) Serviço de Construção de Loja Online:Empresas ou empreendedores que desejam construir suas lojas online por meio desses gerenciadores de conteúdo, como Shopify.

Modelo de negócios B2C: exemplos

Por sua vez, o modelo de negócios B2C é voltado para os clientes finais, conforme mencionado acima. Esse tipo de negócio se concentra em levar esses produtos ou serviços para a pessoa que os usa.

Alguns exemplos de modelos B2C são os seguintes:

1) Serviço de comida rápida: marcas de alimentos ou produtos de distribuição de varejo e que o cliente final são pessoas como você ou eu. Por exemplo, Burger King, KFC, Farmatodo, etc.

b) Empresas com serviços digitais: como Spotify, Netflix, HBO Max ou Disney Plus.

c) Várias cadeias de produtos: como Walmart, Target, Kroger ou Costco.

d) Serviços telefônicos: como Vodafone, T-Mobile, Verizon Wireless ou AT&T.

e) Serviços educacionais: como Platzi.

f) Aplicativos de táxi ou entrega: como Uber, Rappi, DiDi, etc.

Vendas B2C e vendas B2B

Diferenças entre representantes de vendas B2B e B2C

Podemos passar horas listando as diferenças entre esses dois modelos de negócios. Enquanto o B2C se dedica a levar produtos e serviços ao consumidor final. O modelo B2B é responsável por levar seu produto final às empresas. Pode-se dizer que o modelo B2B é o mais rentável dos dois. Mas há exceções como os grandes mercados que dominam o modelo B2C.

Você deve ter em mente que ambos os modelos de negócios têm suas próprias necessidades e, portanto, são vendidos de forma diferente. No caso de B2C, promoções, descontos ou 2x1 são muito valorizados. Por sua vez, no B2B, valoriza-se a qualidade, estabilidade, eficiência e, em geral, os aspectos mais duráveis ​​do produto ou serviço adquirido.

Podemos dizer que o B2C tem maior peso emocional. Enquanto o B2B segue a linha mais racional.

Um cliente que compra um fast food não tem os mesmos objetivos ou necessidades de quem compra soluções de comunicação para uma empresa. Levar isso em consideração é fundamental para começar a trabalhar as particularidades do seu público.

Técnicas de vendas B2B e B2C

Hoje existem muitas técnicas de vendas no mercado. No entanto, as vendas B2B e B2C em geral podem utilizar 2 tipos:

A venda de saída: Quando falamos de outbound queremos dizer quando se trata de vender para pessoas ou empresas que não te conhecem, quando você tenta vender diretamente.

A venda de entrada: Quando falamos de inbound, queremos dizer quando leads ou potenciais clientes chegam até você por meio de ações específicas de marketing por parte da empresa.

Cada tipo de modelo tem suas diferentes formas de aplicação desse tipo de metodologia. No entanto, nos últimos anos, cada uma das empresas a seguir está interessada em entrar em contato com seus clientes mais diretamente por meio de aplicativos de mensagens como Instagram Direct ou WhatsApp Business.

No caso do modelo B2B temos as seguintes técnicas:

a) Venda consultiva: Trata-se de conversar com potenciais clientes para detectar suas necessidades e, assim, oferecer o melhor serviço ou produto para eles.

b) Conheça o seu cliente: Trata-se de pesquisar ou fazer um pequeno teste no seu potencial cliente para conhecê-lo melhor e ter conversas mais fluidas.

c) Produto personalizado: A ideia nesse caso é construir o modelo de atendimento que seu potencial cliente precisa. Geralmente, cada assinatura ou produto é adaptado ao cliente.

d) Venda direta: o ponto aqui é entrar em contato com seus clientes em potencial através do WhatsApp, Instagram Direct, Facebook Messenger ou Telegram diretamente. A fim de construir um relacionamento e conseguir a venda.

No caso do modelo B2C temos as seguintes técnicas:

Neste setor temos grandes peculiaridades. Já que os consumidores costumam passar muito tempo em redes sociais como Facebook, Instagram ou WhatsApp. Para pesquisar informações, cupons, descontos ou concursos que possam utilizar para obter benefícios. Isso significa que seu principal meio de contato com as empresas são as redes sociais e os aplicativos de mensagens, modelo que se tornou muito popular após a pandemia de Covid-19.

Se você é uma empresa B2C, significa que seu maior nicho de mercado está nas redes sociais. Por esse motivo, você precisa de uma ferramenta que possa gerenciar as mensagens que chegam por meio de suas campanhas de inbound e outbound marketing. Nesse sentido, você pode usar o Callbell, uma ferramenta que conecta plataformas como Instagram Direct, WhatsApp Business, Facebook Messenger ou Telegram em um só lugar.

As técnicas que você pode usar para o modelo B2B usando Callbell podem ser:

Up Selling: A ideia desta estratégia é mostrar ao seu potencial cliente um produto semelhante ao que ele escolheu, mas com melhores características. Desta forma o cliente poderá ver que a diferença de preço não é grande, mas a qualidade aumenta.

Cross Selling: A ideia desse tipo de venda é fazer com que o cliente que já comprou queira um produto que complemente o que já possui.

A ideia de tudo isso é fazer com que os clientes se sintam valorizados e atendidos. Isso é algo extremamente necessário em um ambiente onde as pessoas falam pelo WhatsApp e outros aplicativos de mensagens.

Vendas B2C e vendas B2B

Conclusão

Agora que você já conhece as diferenças e os pontos mais importantes das vendas B2B e B2C. Que tipo de cliente ou empreendedor você quer ser?

Como mencionamos, Callbell é um aplicativo que pode ajudá-lo a melhorar muito o potencial de comunicação do seu negócio com os clientes. É uma solução de comunicação para todas aquelas pequenas, médias e grandes empresas que precisam centralizar todas as mensagens em um só lugar com uma variedade de ferramentas interessantes com as quais podem se comunicar com seus clientes.

Quer conhecer um pouco mais sobre a Callbell e como ela pode ajudar o seu negócio? Clique aqui.

Perguntas Frequentes

Quais são as diferenças entre representantes de vendas B2B e B2C?

Podemos passar horas listando as diferenças entre esses dois modelos de negócios. Enquanto a B2C se dedica a trazer os produtos e serviços ao consumidor final. O modelo B2B é responsável por levar seu produto final às empresas. Pode-se dizer que o modelo B2B é o mais rentável dos dois. Mas há exceções como os grandes mercados que dominam o modelo B2C.

Você deve ter em mente que ambos os modelos de negócios têm suas próprias necessidades e, portanto, são vendidos de forma diferente. No caso de B2C, promoções, descontos ou 2×1 são muito valorizados. Por sua vez, no B2B, valoriza-se a qualidade, estabilidade, eficiência e, em geral, os aspectos mais duráveis do produto ou serviço adquirido.

Podemos dizer que o B2C tem maior peso emocional. Enquanto o B2B segue a linha mais racional.

Um cliente que compra um fast food não tem os mesmos objetivos ou necessidades de quem compra soluções de comunicação para uma empresa. Levar isso em consideração é fundamental para começar a trabalhar as particularidades do seu público.

O que é B2B?

Um negócio B2B é todas aquelas empresas que vendem produtos ou serviços para outras empresas. Isso pode se aplicar tanto ao mundo digital quanto ao físico. No digital podemos ter como exemplo Callbell. Empresa que oferece soluções de comunicação para empresas por meio de aplicativos de mensagens e redes sociais.

Por outro lado, quando falamos de empresas B2B em ambiente físico. Podemos imaginar todos aqueles fornecedores que oferecem matéria-prima. Pode ser para empresas de fast food ou até mesmo distribuidoras de autopeças, que então oferecem esses itens ao consumidor final.

964aef37cbd523c1a8d2250157bf3829?s=100&d=mm&r=g - Vendas B2C e vendas B2B: quais são as principais diferenças?

Sobre o autor: Olá! Eu sou Alan e sou o gerente do marketing da Callbell. a primeira plataforma de comunicação projetada para ajudar as equipes de vendas e suporte a colaborar e se comunicar com os clientes por meio de aplicativos de mensagens diretas, como WhatsApp, Messenger, Telegram e Instagram Direct